Jake Bugg retorna ao Brasil com shows exclusivos da turnê de “On My One”


O cantor e compositor inglês Jake Bugg retornará ao Brasil em 2017 para três shows da turnê do novo álbum, On My One. Uma boa notícia para os fãs do músico, que não se apresenta no país desde 2014. Aliás, foi neste ano que ele deixou as fãs enlouquecidas com seu estilo indie-folk-rock durante a apresentação no Lollapallooza Brasil e depois durante a divulgação do álbum Shangri La.

Os shows da nova turnê passarão por São Paulo (Citibank Hall) no dia 09 de março de 2017, Rio de Janeiro (Circo Voador) no dia 10 de março de 2017 e Belo Horizonte (Music Hall), no dia 11 de março de 2017.

Clientes dos cartões Citi e Diners Club contaram com pré-venda exclusiva no dia 22 de novembro e clientes em geral desde o dia 29 de novembro, para o show de São Paulo. Já para Rio de Janeiro e Belo Horizonte, os ingressos podiam ser adquiridos desde o dia 18 de novembro. As compras podem ser realizadas pela internet (www.ticketsforfun.com.br), nos pontos de venda espalhados pelo Brasil e nas bilheterias oficiais das casas. Os shows do Rio de Janeiro e Belo Horizonte não são realizados pela TIME FOR FUN e são comercializados pela www.queremos.com.br desde 18 de novembro.

On My One

Em Nottingham, cidade natal de Jake Bugg, não é comum se usar a expressão “On My Own” e sim “On My One”. “Como em, “Whadya leave me on my one for? – (Porque você me deixa sozinho?)”, explica Bugg. “É apenas algo que se diz em Notts. Mas, em vários aspectos, isso resume este disco, porque “sou eu sozinho”. O primeiro álbum onde escrevi tudo sozinho e produzi grande parte dele. Há algumas faixas com outros músicos, mas na maioria sou eu tocando todos os instrumentos, inclusive baixo e bateria. A própria “banda do eu sozinho”. Foi um processo muito solitário.”

Escrito e gravado quando Bugg ainda tinha 21 anos, “On My One” é até hoje o testemunho mais forte do talento de um dos mais prodigiosos cantores/compositores britânicos que surgiram nos últimos cinco anos. A ascensão incrível de Bugg começou em 2012, quando o álbum de estreia, que leva seu nome, entrou nas paradas do Reino Unido em nº 1, fazendo dele, na época com 18 anos, o mais jovem artista britânico a conseguir o feito. Isso levou as vendas do álbum à dupla platina e lhe rendeu uma indicação ao Mercury Music Prize.

O sucesso só acelerou o impulso criativo de Bugg, e ele lançou doze meses depois, “Sangri la”, gravado em Malibu com Rick Rubin. O álbum trouxe Bugg de volta ao Top 5, o que lhe valeu sua segunda indicação ao Brits, um show no Royal Albert Hall de Londres que foi um marco em sua carreira, e uma turnê no Reino Unido em diferentes arenas, culminando com um Alexandra Palace esgotado. Os dois álbuns deram a Bugg uma base de valor inestimável – por isso, quando chegou a hora de fazer o terceiro, ele estava, finalmente, pronto para caminhar sozinho.

“Eu tinha apenas 18 e 19 anos quando fiz meus dois primeiros álbuns”, diz Bugg. “Trabalhei com um monte de pessoas ótimas, produtores e parceiros, e aprendi muito com eles, seja em estúdio ou apenas ajudando com ideias musicais. Fazer esses álbuns era a minha versão de ir para a faculdade, minha educação musical. Quando terminei a turnê de “Shangri La”, no final de 2014, eu já tinha decidido que ia levar um ano inteiro para fazer eu mesmo o próximo álbum. Eu não estava tentando provar nada, foi apenas para o meu próprio bem. Eu vi nisso o passo à frente no meu desenvolvimento como compositor. Foi um desafio, algo que eu senti que tinha que fazer”.

Gravado em Londres, Los Angeles e em sua Nottingham, “On My One” permitiu a Bugg um espaço para parar e fazer um balanço de sua vida, pela primeira vez, desde que embarcou em um ciclo contínuo de gravações e turnês na adolescência.

REALIZAÇÃO: TIME FOR FUN

SÃO PAULO (SP)
Copatrocínio: Budweiser e Prevent Senior
Transportadora oficial: Gol Linhas aéreas inteligentes
Data: Quinta-feira, dia 09 de março de 2017.
Horário: 21h30
Abertura dos Portões: 20h
Local: Citibank Hall SP – Av. das Nações Unidas, 17955 – Santo Amaro, São Paulo/SP.
Capacidade: 5.292 pessoas
Ingressos: de R$ 100 a R$ 400 (ver tabela completa).
Classificação etária: Não será permitida a entrada de menores de 14 anos.
De 14 a 15 anos: permitida a entrada acompanhados dos pais ou responsáveis legais.
De 16 anos em diante: permitida a entrada desacompanhados.
Acesso para deficientes
Ar condicionado
Meio de pagamento preferencial: Citi.
Estacionamento (terceirizado): R$ 50
Confira todos os pontos de venda no site da T4F clicando aqui

Deixe seu comentário

Já curtiu a página do Focka no Facebook? Curta agora ou atualize a página caso já tenha curtido.