Festival Path reúne músicos independentes para shows gratuitos em SP

Festival Path / Divulgação
A cerveja SOL Premium levará para o Festival Path um longo line up de bandas e artistas independentes Os músicos estarão reunidos para proporcionar ao público diversos shows complementando a robusta programação do festival. Com a curadoria do Street Music Map, coletivo de músicos de rua do mundo inteiro, o Palco SOL levará atrações como Mescalines, Picanha de Chernobill e Sax In The Beats para a Praça Omaguás, em Pinheiros, nos dias 14 e 15 e maio.

“A ideia de montar um palco que dá protagonismo aos artistas independentes veio muito ao encontro do posicionamento de SOL Premium, o Espíritu Libre, que acredita na liberdade de escolha e na autenticidade. Os caminhos de músicos independentes não são simples, mas o fato de acreditarem sem seus conteúdos e manterem-se fiéis a si mesmos é o que os move.

O Festival Path é um evento que inspira as pessoas desenvolverem olhares diferentes, é um ponto de encontro para instigar a criatividade em diversas áreas de interesse. Essa atmosfera apresenta um conteúdo muito relevante por que busca referências autênticas, escolhe caminhos distantes do lugar comum” explica Carina Hermida, gerente de SOL Premium.

O “Palco SOL” funcionará nos dias 14 e 15 e maio das 12h às 14h e das 18h às 20h. Veja a programação completa abaixo:

 

Mescalines, sábado(14) às 12:30

Mescalines / Divulgação

O duo Mescalines explora de forma natural a música com raízes africanas e que navegou até os mares da América Latina. A percussão e as melodias unem o jazz ritual dos nômades do Saara aos bluesman do Mississippi, o deserto do blues xamânico de rota alterada por riffs.
Integrantes: Jack Rubens (guitarra) e Mariô Onofre (bateria).

Pedro Pastoriz, sábado (14) às 13:45

Pedro Pastoriz / Divulgação

Pedro Pastoriz gravou seu disco “1“, parte na cabine da Third Man Records em Nashville, parte na Vinyl-Lab com Arhtur Joly em São Paulo, ambas gravações no processo de direct cut. É um disco com voz, guitarra e harmônica, com todas as composições em português. O que era para ser uma experiência de gravação tornou se um objeto disco, motivo de pequenas turnês que o músico vem cumprindo pelo sul/sudeste do Brasil, bem como uma pequena temporada de shows em Berlim.

Picanha de Chernobill, sábado (14) às 17:30

Picanha de Chernobil / Divulgação

A gaúcha Picanha de Chernobill é banda de rock brasileiro que introduz o blues norte-americano, a viola brasileira do sertanejo de raiz, o baião nordestino, o bandolim e o riff de guitarra. O grupo está baseado na cidade de São Paulo, por ter abundância e diversidade cultural, multiplicando suas atividades ao ritmo da capital paulista com o “Picanha na Rua“, que são shows gratuitos em alguns dos principais pontos da cidade, maioria na região central, alternado em dois horários – ao meio-dia e ao fim da tarde, somando mais de 50 apresentações só neste ano, alavancando a popularidade do grupo.

Astro Venga, sábado (14) às 18:45

Astro Venga / Divulgação

Astro Venga é uma banda móvel-sustentável, um projeto vivo de instalação em meio ao caos urbano. Um trio que se completa na afinidade musical e na experimentação. Tutuka, Christian Dias e Antônio Paoli guiam seus Astro-Móveis em busca das ruas, em obra musical pela cidade. Temas nacionais e internacionais, juntos, na mesma versão. Astro Venga. Funk Garagem em fusão, em versões autênticas e performances viscerais.

O Grande Grupo Viajante, domingo (15) às 12:30 

O Grande Grupo Viajante / Divulgação

A banda foi formada em 2013 por músicos e amigos com o objetivo em comum de viajar terrestre e musicalmente pela cultura brasileira, latina e africana. No início do ano de 2015, o grupo decidiu levar seu som múltiplo para as ruas de SP, botando em prática a ideia da música acessível a todos e da ocupação dos espaços públicos da cidade.

Com a vivência artística nas ruas e no espaço cultural Casinha da Mooca, onde parte da banda mora, surge o segundo trabalho de estúdio, o disco intitulado “O Caminho é o Mar“, lançado no mesmo ano, onde o grupo mostra a fusão de ritmos tradicionais brasileiros, como o Baião, Forró e Carimbó, com muita música latina, africana, uma pitada de rock nas guitarras distorcidas e climas psicodélicos.

 

Kick Bucket, domingo (15) às 13:45

Kick Bucket / Divulgação

Com a o pensamento de chutar o balde para sair do comum e tocar boa música pelas ruas de cidade que o baterista de baldes Bruno Kioshi e o saxofonista Thiago Kim criaram o projeto Kick Bucket.

Os ritmos dançantes são influenciados pelo hip hop, música eletrônica, funk instrumental, soul e a melodia do lado “b” do jazz. Além dos baldes que compõe a bucket drum – criada artesanalmente por Bruno -, extintores, botijões, martelos de plástico, moedas e o que mais for necessário entram em cena para o show.

O Bardo e o Banjo, domingo (15)  ás 17:30

O Bardo e o Banjo / Divulgação

Após um show de destaque no Lollapalooza a interação do banjo e o violino, o pulsar do bumbo-mala com a cavalgada do baixo, os gritos entre as melodias, os instrumentos diferentes e o fervor da música folk volta a cena com a apresentação no festival.

O bluegrass, estilo tradicional norte-americano que mescla música irlandesa e música country é o principal ingrediente da banda, e assim esta começou tocando pelas ruas e parques o bluegrass também têm suas origens nesses encontros a céu aberto. Sem perder a essência, a banda leva essa cultura caipira/folk/redneck para os palcos em suas apresentações.

Sax In The Beats, domingo (15) às 18:45

Sax in the Beats Sé / Divulgação

O “Sax in the Beats” foi criado com o objetivo de levar entretenimento e boa música às ruas de São Paulo, quebrando a rotina estressante de quem vive nessa grande metrópole brasileira. A proposta é de não levar apenas música, mas criar um espetáculo com encenação, comédia e interação com o público. Em abril de 2015, Cavalo e Panda ganharam um programa semanal do canal TBS, “Show do Kibe“. Um talk show diferente apresentado por Antonio Tabet, o Kibe Loco.

 

Festival Path 2016 Palco Sol

Onde: Praça dos Omanguás, 34 Pinheiros – São Paulo
Quando: 14 e 15 de Maio das 12h00 às 14h00 e das 18h00 às 20h00.
Quanto: Grátis
Informações: wwww.festivalpath.com.br

Deixe seu comentário

Já curtiu a página do Focka no Facebook? Curta agora ou atualize a página caso já tenha curtido.